terça-feira, 28 de junho de 2011

Não dá mais para viver.

Eu quero companhia, eu quero me isolar. Talvez o que eu queira mesmo, é ser lembrada. Eu tenho feito tanta loucura nos últimos dias, ando irreconhecível a mim mesma. As coisas não são como antes, não consigo mais pensar num futuro. Quando saio na rua, saio sempre esperando ser atropelada, tomar um tiro... simplesmente morrer. E deve ser por isso que não penso no futuro.
Ando tão triste, tão abalada. Tenho meus remédios guardados mas minha mãe me proibiu de os tomar. Queria pelo menos um calmante. Ando nervosa, sentimental, mas continuo fria e é isso que não entendo.
Quanto me faz falta uma amiga. Eu já tive uma, ela era muito legal, saíamos juntas e fazíamos besteiras juntas. Ela se mudou, perdemos o contato. Hoje em dia, ela deve estar cheia de amigas, fazendo festa e tudo mais. Eu estou deitada numa cama, a qual eu não quero sair.
Caralho, ele não sai da minha cabeça. Mesmo que eu tente, mesmo que apareçam outras pessoas. Há 5 dias que só durmo com sua foto na tela do meu not, isso me faz acordar no meio da noite, te olhar e ter certeza que está tudo bem. As músicas que ouço só lembram você e não consigo fugir disso.
Ontem, eu o vi com a menina que ele diz que não é namorada, mas eles tem algo. Ontem, um amigo, que já estive com ele por um tempo, me ligou, simplesmente dizendo que tinha saudades.
Mas você NÃO sai da minha cabeça e tenho vontade de você cada vez mais e mais. Há esperança, há chances. Mas temo que seja apenas um dia, um dia qualquer, e é por isso que devo te esquecer.

1 comentário:

  1. Oi alice...... meu nome é max, eu gostaria de add vc no facebook, posso?

    ResponderEliminar